Quando os sintomas são preocupantes e necessitam de auxílio médico?

Você sabe quando os sintomas de coronavírus são preocupantes e necessitam de auxílio médico?

Assista ao vídeo acessível e entenda de vez a diferença entre os principais sintomas do coronavírus e quando é necessário ir ao hospital:

Então, quando os sintomas do coronavírus são preocupantes e necessitam de auxílio médico?

A febre é a elevação da temperatura do corpo acima de 37,8º. Assim, febre se torna preocupante quando, mesmo com medicação, persiste por um tempo superior a três dias e deve ser avaliado por um médico. Portanto, cuidado com a automedicação.

Ademais, a tosse é uma forte liberação de ar para proteger as vias aéreas profundas, com intuito de limpar secreções, expelir ou impedir a entrada de substâncias nocivas.

Assim, é importante buscar ajuda médica caso a pessoa apresente algum sintoma de gravidade, mas é preciso entender que qualquer quadro respiratório viral pode causar tosse. Então prestar atenção a outros sintomas junto com a tosse, principalmente falta de ar, pressão baixa ou febre persistente.

A falta de ar progressiva é sinal de infecção grave e indica necessidade de tratamento médico.

Por isso, pensando em tudo que tem acontecido, por conta do coronavírus, nós da Uníntese estamos trabalhando em prol da população, criando diversos conteúdos gratuitos, além de cursos grátis ou com descontos de mais de 50%. Assim sendo, sabemos que esse é um momento difícil e que ficar em casa nem sempre é uma tarefa fácil, pois tudo isso também afeta nossa saúde emocional.

Portanto, é importante manter uma rotina saudável e equilibrada, e continuar evoluindo em nível pessoal e profissional. Confira diversos cursos com desconto no site: Ensino.digital

Acesse também: Estude LIBRAS gratuitamente com a Uníntese durante a quarentena

Você quer mais informações em LIBRAS sobre o coronavírus? Acesse o site: coronaLIBRAS

Comentários