Demanda por intérpretes de Libras é maior que o número de profissionais formados

Nicole Utzig Mattjie

Você sabia? De acordo com a Universidade Federal de Santa Catarina, a demanda por intérpretes de Libras é maior que o número de profissionais formados. Isso significa que a procura por profissionais qualificados na área é grande! Por isso, que tal investir em você e começar hoje mesmo sua capacitação profissional? Confira porque ainda vale a pena se tornar intérprete de Libras em 2022.

Demanda por intérpretes de Libras é maior que o número de profissionais formados e tende a aumentar nos próximos anos

Em primeiro lugar, a legislação brasileira prevê a garantia do atendimento e tratamento adequado às pessoas surdas, conforme a Lei nº 10.436/02. Contudo, sabemos que muitos lugares de atendimento público ainda não possuem intérpretes de Libras.

Por isso, o profissional intérprete de Libras tem se tornado cada vez mais requisitado em diversas áreas, como na saúde, na educação, no meio jurídico e até mesmo no ambiente empresarial.

A profissão de Tradutor e Intérprete de Libras que é regulamentada desde 2010 pela Lei nº 12.319, passou por diversas mudanças e teve muitos avanços. No entanto, ainda é uma profissão relativamente nova no Brasil e que precisa de profissionais dedicados e devidamente capacitados.

Além disso, o desejo de regulamentar a profissão surgiu de uma luta antiga da comunidade surda, juntamente com os intérpretes de Libras. Dessa forma, o movimento para que a Língua Brasileira de Sinais fosse reconhecida como língua no Brasil também aumentou. Por conta disso cresceu a procura por profissionais qualificados em todo país.

Portanto, uma formação adequada é essencial para quem quer trabalhar na área, já que o profissional irá atuar como ponte entre surdos e ouvintes e para isso precisará de sensibilidade, conhecimento e qualificação.

Então, se você pensa em tornar-se intérprete de Libras, não pense duas vezes. Nesta profissão é possível ajudar muitas pessoas, conhecer uma nova e rica cultura e se comunicar muito além das palavras. Ademais, a tendência é que a demanda por intérpretes de Libras cresça cada vez mais. Isso porque, segundo o censo do IBGE de 2010, cerca de 9,7 milhões de brasileiros possuem deficiência auditiva – o que representa 5,1% da população do país.

Pensando nisso a Uníntese oferta cursos de graduação e pós-graduação com os melhores professores do Brasil. Quer se tornar um intérprete de Libras de excelência? Clique aqui e comece hoje mesmo sua jornada profissional nesta área tão bonita.

Comentários

Open chat