Como surgiu o Dia Internacional da Pessoa Surdocega?

No Dia 27 de Junho é comemorado o Dia Internacional da Pessoa Surdocega. Mas você sabe como surgiu essa data? O dia foi escolhido em homenagem ao nascimento de Helen Keller, a escritora e ativista social estadunidense, nascida em 27 de junho de 1880. Ela foi a primeira pessoa surdocega a conquistar o diploma de bacharelado.

A vida de Helen Keller continua a inspirar muitas pessoas ao redor do mundo até hoje! Por isso, a homenagem não poderia ser melhor e a data é a ocasião perfeita para falarmos mais sobre a surdocegueira, que acaba não recebendo tanta visibilidade, mesmo dentro da comunidade surda, por exemplo.

Segundo o censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revisto em 2017, existem no Brasil mais de 6 milhões de pessoas com deficiência visual.  Apenas na cidade de São Paulo são 345 mil pessoas, mas os dados sobre pessoas surdocegas são imprecisos.

São inúmeros os desafios enfrentados pela pessoa surdocega, portanto é essencial a inclusão do surdocego na sociedade. Certamente a comunicação pode ser considerada a maior barreira a ser superada. Logo, o Dia Internacional da Pessoa Surdocega é imprescindível e precisa ser lembrado e celebrado!

Ícone do movimento da surdocegueira, Hellen Keller tornou-se um exemplo de superação e coragem, bem como um símbolo da luta pelos direitos das pessoas com deficiência.

Além disso, o aprendizado de Keller significou um avanço importante na educação especial. Visto que, o ensino de Keller foi o primeiro a ser registrado com confiabilidade em vários trabalhos escritos e originou diversos novos métodos na área da educação especial.

Reportagem do Estadão mostra os desafios da surdocegueira

Em uma reportagem do Estadão, conhecemos um pouco da história de Claúdia Sofia Pereira e Carlos Jorge Rodrigues, seu marido, ambos surdocegos, mas que apesar dos desafios da surdocegueira levam uma vida normal.

Gostou? Então não deixe de comentar e compartilhar! 😘

Quer aprender mais sobre a surdocegueira? Venha conhecer o nosso Curso de Capacitação em Deficiência Múltipla e Surdocegueira: clique aqui.

Leia mais:

Comentários