O ensino da matemática para cegos leva professor à final de prêmio internacional

Desde 1998 o professor paranaense Rubens Ferronato teve que se reinventar em sala de aula para poder tornar acessível um conteúdo complexo: os cálculos matemáticos.

Rubens decidiu que precisava encontrar uma forma de atrair os estudantes e foi atrás da estratégia certa. Procurou uma loja de materiais de construção e comprou uma placa de eucatex perfurada, a fim de montar um plano cartesiano, com seus eixos X e Y, com ajuda de rebites e elástico. Nascia assim a ferramenta pedagógica Multiplano.

Essa iniciativa rendeu a ele diversos prêmios e uma indicação para a final do prêmio Global Teacher Prize. Ferronato é o único brasileiro entre 50 docentes finalistas.

Fonte: Ferramenta pedagógica para cegos leva professor à final de prêmio internacional para docentes

Comentários