LiveZilla Live Help

Eu não posso falar que é um dia comemorativo

Mulheres surdas do Distrito Federal, falam como é enfrentar a luta de serem surdas todos os dias.

O “Coletivo Maleta” nasceu de um sonho antigo de cinco amigos, Manoela Pires, Len Costa e Thalita Araújo, Lucas Xavier e Eliana Pinheiro que aspiravam viver em um lugarzinho tranquilo rodeado pela natureza e respirando o ar puro das Artes.

O projeto sai em busca de sua identidade e de sua voz, guardando com afinco em seus múltiplos bolsos tudo quanto é representatividade, pois, na Maleta cabe de tudo. Linguagens, línguas, livres expressões, ou seja, tudo o que é belo, diverso e plural, sendo assim, a principal proposta do coletivo é fazer das linguagens artísticas mais um instrumento de empoderamento e emancipação do ser, acessível a todas as pessoas.

No contexto da semana da mulher, ressaltamos o quanto ainda é difícil a batalha de mulheres surdas no contexto atual. No vídeo a seguir, produzido pelo projeto MALETA CULTURAL, eles conseguiram expor a opinião delas, que batalham todos os dias por uma sociedade justa e igualitária.

Curso de pós-graduação em LIBRAS

Acompanhe este projeto nas redes sociais – MALETA CULTURAL

Produção: Lucas Xavier, Manoela Pires e Thalita Araújo

Surdas Participantes: Agnes Naomi, Adriana Marques, Amanda Gomes, Júlia Lopes, Núbia Fernandes e Maria Tereza Rêgo

Comentários